Sexta-feira, 4 de Julho de 2008

E mesmo assim ainda me pergunto se isto será amor!

 

Penso que anseio!
Anseio que escureça e que o céu me recomende ao sono um descanso demorado, que a noite apresse esta minha vontade imensa de me abandonar à dor!
Anseio por não pensar!
Que a luz é uma forma de salvação, que estar acordada é lucidez neste momento, que o desespero que sinto não se evapora no negro que invoco…
Porque por muito que digam há alturas em que estamos realmente sós, porque há sofrimentos que sentimos como exclusivos, porque há desgostos que sentimos como eternos!
 
E no pranto quero implorar, nos soluços vomitar, na agonia desmaiar!
E sinto calor, muito calor…tremo inteira, torço-me frustrada, percorro-me exausta!
Tudo isto porque não quero perder-te…
 

Inventado por alexiaa às 20:48
link do post | comentar | favorito
19 comentários:
De Su a 5 de Julho de 2008 às 18:45
Oi.... depois deste post mui profundo(!?) e do teu comentario lá no meu staminé... sfv contartar-me pelo menos por msn! é urgente! Ovistes?

Beijo preocupadito... e cheio de saudades, claro!

:)

lora doda.


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:19
Linda...ando numa azáfama daquelas, sabes que trabalhar 4 horas por dia destabiliza-me por completo e estraga-me a rotina toda que crio no inverno:)))
Mas não te preocupes...doida que é doida intervala a depressao com a euforia total.
Olha...em outubro o tempo aí é bom??:))
Milhoes de beijos porque te curto mais que tudos:)))))


De oteudoceolhar a 7 de Julho de 2008 às 11:27
O mundo do sentir é mesmo muito, muito complexo...acabei de comentar um texto sobre a dor, sobre a forma de sentir de cada um...não me alarguei muito porque é tão pessoal e nesta mente há sempre tanto que dizer, que se torna complicado (ou então sou eu que já não estou habituada a estas andanças)...Que se faça luz, que o sol brilhe, que o amanhã amanheça bem diferente...Beijo n´oteudoceolhar **


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:20
Oh...ou se sente ou não se sente, é tão simples quanto isto:)))
Bjinho


De Emanuela a 7 de Julho de 2008 às 22:27
Entendo-te tanto..."sofrimentos como exclusivos,
desgostos como eternos..." E sós? No fundo, todos somos sózinhos.
Muitos beijinhos( estava com saudades!).


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:24
Folgo em saber que me entendes, não é facil para quem esta perto por isso é bom saber que "daí" o consigas fazer...tanto, ainda por cima...tanto:)
Bem, conta comigo para desgostos eternos, sou perita nessa merda:)
Beijinhos


De Emanuela a 5 de Agosto de 2008 às 23:50
Hoje voltei aqui,reli...e mais uma vez tive certeza que te entendo. Não importa o teu motivo,não importa o meu. O que importa é que também sinto assim. E te confesso que neste momento eu choro.
Um beijo


De alexiaa a 13 de Agosto de 2008 às 19:50
So hoje é que dei conta deste teu comentario!
Não sou boa a amparar na distancia mas quero que saibas que sou boa a ouvir, a ler, a sentir..."chuta" para cá se assim o entenderes.
Beijo


De carla a 13 de Julho de 2008 às 22:31
Há sentimentos que nos invadem tão fortemente que passam a ser só nossos e intransponiveis. Boa semana


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:26
Se fosse intransmissível estarias a falar dum B:I:)))
Bom mês se calhar é mais apropriado, ando tão preguiçosa...


De Ricky a 15 de Julho de 2008 às 00:43
E, tal como desapareci, do nada volto a este mundo! Olá, se te lembras; Prazer, se não o fazes =)

Tive prioridades, eventos, enfim, a vida teve caprichos e desejos e afastei-me disto tudo.

Todos temos o medo de perder algo e todos sofremos e acabamos por estragar as coisas por causa desse medo. "Perder faz parte do desporto", perder faz parte da vida. E haverá sempre melhores coisas para serem perdidas!

Beijoca! *


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:29
Bem...voltaste meio baralhado ou é impressao minha?:)))
A parte do prazer confesso que não interpretei, acho que tb não me esforçei para entender porque sei que um dia destes vou dar um salto e sorroir com a minha propria ignorancia!
Quanto ao perder e à vida, ao desporto e ao medo...acho que tb me vou sentar sossegadita à espera que se faça luz:))
Beijo, estou sem saber se ha teatro para eu ir ou não:)


De oteudoceolhar a 18 de Julho de 2008 às 13:38
"Porque por muito que digam há alturas em que estamos realmente sós, porque há sofrimentos que sentimos como exclusivos, porque há desgostos que sentimos como eternos!""" É realmente assim...há alturas que por muito que digam ou façam, nos sentimos realmente sós...e há dores que são muito nossas...Espero que tudo volte á normalidade se esse for o teu desejo...que não percas. Beijo n´oteudocoelhar *


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:31
Eu sou lá mulher de perder alguma coisa...agora ali a triste da alexia acho que é uma perdedora nata:)).
Beijo da normalidade para o teu olhar doce...ou doce olhar...:)


De igara a 18 de Julho de 2008 às 16:57
Alexia, existem realmente momentos inteiramente nossos, especialmente aqueles que se reinventam no desejo do "não querer perder"... Sei desses momentos, mas sei em especial dos outros, aqueles em que nos perdemos, no desejo fundado de nos reinventar. São momentos... apenas momentos que nos eternizam em flashes de realidades aos quais nos prendemos em momentos que nos parecem tão escassos.
Beijos às resmas... mas em especial, abracinhos apertados e rodopiados de saudaditas.... :)


De alexiaa a 21 de Julho de 2008 às 18:34
Sabes qual é o problema Igara?!, o excesso de criatividade:))),por norma a criatividade tem uma dose limite, quando esta excede o tamanho permitido por lei a reinvenção é a unica forma de extravasar a coisa:)
Gosto tanto de te ver...
Beijos


De cúmplice a 13 de Agosto de 2008 às 15:40
Só tenho uma pergunta para fazer, a tudo isto (lindo/profundo), que li!!!!

Nao queres perder ou não te queres perder!

Beijos


De alexiaa a 13 de Agosto de 2008 às 19:55
Nunca tive receio de me perder...ja me perdi tantas vezes princesa:))
Agora perder ninguem gosta né???:)
Actualizando isto para o momento posso-te acrescentar que agora perder-me seria um pouco descabido...podemos perder-nos q.b.???:)


De cúmplice a 14 de Agosto de 2008 às 11:50
Não concordo que se perder seja de todo descabido (depende do significado que dá a esta palavra).
Mas perder-nos q.b. também não é mau...


Comentar sem frete

O minimo sobre mim

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

(Re)Invenções antigas

Setembro 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter