Segunda-feira, 3 de Setembro de 2007

“O Amor que a vida me deve”

-Anda!
A mão conduziu-me…os meus olhos abertos de espanto estavam no entanto vedados pela total ignorância do destino!
Isto é paixão…caminhar as escuras transportando no peito um palpitar quente mas sempre confiante.
 
A sala estava escura, a piscina calma e maliciosa humedeceu-me o querer…
 
-Toma!
O copo semi cheio apareceu na varanda do nada, o brinde teve o som dum piano, a tua voz relatou historias passadas e …embarquei mais uma vez na tua dança!
Isto é dedicação…beber não interessa o quê na companhia duma lua encomendada por ti, absorver enlevada momentos íntimos só teus e senti-los como nossos!
 
Os beijos rolaram sôfregos, o silêncio secreto e proibido incandesceu-me o sangue…
 
- Entra!
A água parecia não penetrar totalmente no meu corpo, os teus braços circundaram a minha cintura, o meu pescoço largou-se para trás e…aceitei flutuar a dois!
Isto é desejo…guardar espaço para a tua invasão lenta, abandonar-me ao instante de forma decidida e um pouco louca, ondular ao teu sabor e senti-lo como meu também!
 
 
Se isto fosse um caso real…certamente que ela abrilhantaria a história rocambolesca com uma queda monumental posterior que incluiria uma toalha seca e alguns pirolitos.
Nessa altura ele abria a boca deslumbrado com tamanha trapalhice, soltava uma gargalhada sonora e lembraria o facto para sempre!
Ah…mas isso seria… Amor!
 
 

Inventado por alexiaa às 21:33
link do post | comentar | favorito
30 comentários:
De RB a 3 de Setembro de 2007 às 22:15
Isso quer dizer que o amor é desajeitado?


De alexiaa a 4 de Setembro de 2007 às 21:40
Acho que já uma vez colocaste aqui esta questão. As vezes repito-me numa ideia e sinceramente não sei o que te respondi mas como a coerência não faz de todo o meu género, desta vez digo-te que sim...o meu amor tem de ter uma dose extra para aturar e ainda enternecer-se com a minha tendencia para tudo o que são "acidentes"menores!
Alexia!


De Ricky a 3 de Setembro de 2007 às 23:15
Este texto é tão palpável! Consigo apertar, espremer, tocar cada frase! Adorei!

beijinhos, querida =) **


De alexiaa a 4 de Setembro de 2007 às 21:40
São os teus olhos quindim:)))

Kiss


De Su a 4 de Setembro de 2007 às 11:05
:)

De repente acordamos e estamos no meio de um filme assim... de repente acordamos e tudo mais é o cheiro que fica desse filme. A vida são sequencias de filmes, pura reinvenção, que se propaga consoante a nossa imaginção.

Beijo.


De alexiaa a 4 de Setembro de 2007 às 21:43
Sinto-te triste e com uma ligeira diminuição da vivacidade:).
Espera...a nostalgia faz parte desse fogo todo:)))

Quanto ao comentário: Sim Su...as vezes acordamos e estamos no meio dum filme assim, tal como outras vezes despertamos dum filme assim e encaramos um pesadelo assado!

Beijo


De Su a 5 de Setembro de 2007 às 19:21
Opá... ké isso? nananinana, toca de me enviar aquele sorriso grande contagiante... vá lá, tu consegues, dias maus ha sempre, o q interessa é deixa-los passar e saber dizer adeus, despirmo-nos deles como um voodoo repelente!... depois vem os dias bons e com eles tudo o resto, agarra-te a eles com toda a força! Tu consegues tu consegues! Claro que sim! Vá mergulha! respira, oxigena...
:)
Ah!!? bora ouvir Shakira! Vai uma tequilla?Daquelas de lamber a mão e arrepiar de tao mau limão! Bora lamber, é uma curte! :))))
:)))
Beijo já de "babalasa"...


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 11:08
Yaaa, bora lá ouvir shakira...apesar de algumas musicas provocarem-me o pranto:))), mas isso é só na tal semana dificil:))

Espera...vou contratar um interprete para traduzir o resto do comentario e poder responder:))

Kiss doida!


De Su a 11 de Setembro de 2007 às 19:38
Atao mulher?! tu na sabes q uma tequilla como deve ser, tem todo um ritual a cumprir?
Primeiro, lambes a mão,
Segundo, botas-lhe sal em cima,
Terceiro, bebes a santa agua á suberba,
Quarto, chupas a droga do limão!
Quinto danças que nem doida e burrifas-te para quem te ache uma atrasada mental... epá, tu
livra-te desses saltos para ver se o bicho n pega!nnnnaaaaaaaaaaa, na acredito q tu na me saibas ainda este ritual pá!! isto é dos rituais femininos mais espetaculares q conheço!
Claro q n podemos ter em conta, o seixto acontecimento do ritual, a babalaza!, sinonimo de ressaca por aqui... essa normalmente é lixada, e nem te conto qt má é, qd a bebida é martelada, aqui em Moçambique acontece nas melhores familias... ddddaaaaa
:)
tenho saudades tuas, onde raio te metes-te?
Beijos


De alexiaa a 11 de Setembro de 2007 às 20:42
Exijo aprender esse ritual ao vivo e a cores:)).

Sei lá onde me meti Su, meto-me em cada uma as vezes…acho que ando sem apetite pelo virtual. E se pensar bem até pelo real:)

Beijo…


De Su a 12 de Setembro de 2007 às 07:14
Acho mto bem q comeces a conhecer novos rituais, cá para mim nunca é tarde para nos libertar-mos de algumas amarras! E sinceramente existem muitos rituais supremos, muitos ainda por desvendar, está ai o segredo da vida, estar sempre preparada para coisas novas, nem que sejam inventadas por nós!

Qt á falta de apetite virtual e demais apetites, acho q ja somos duas, ando assim faz demasiado tempo, mas to calma, espero tranquila por melhores dias, eles hadem vir!
:)
KissKiss 4 u!


De pedro alex a 5 de Setembro de 2007 às 12:44
E certamente que seria memorizado pela vida fora.
O amor estilizado cansa-me, acaba por ser sempre mais ou menos igual, para mim é nhek.
O cuidado de que a perfeição seja uma constante estoira com tudo.
Por mim, vivam os tombos, trapalhadas, apalpões desonestos e gargalhadas.
Pirolitos? Ohhh... não sei que é:(
Mas dançar ctg a primeira vez e ficar ctg até o sol nascer, uau Princesa:)
Bjs pirolitados lol


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 11:19
Sera que desta vez consigo comentar no local certo? :)
O Amor nunca é nhec:))), as vezes é um bocadinho menos apaixonante mas possivelmente quem o está a viver acha-o ...revigorante:)
Já sabe o que são pirolitos meu principe nortenho???:)))
O teu uauau "mata-me", é tão doce e sincero...

Beijo glu glu:)


De Aesis a 5 de Setembro de 2007 às 22:22
Ora... aqui entoa a tal que me faltava e que bem...

LOVE is SUICIDE.

Se calhar não sabes e se calhar pouco ou nada interessa, mas eu que sou de humildes e pequenos impactos confesso-te que admiro gente idiota. Admiro pessoas com originalidade... assim, como tu.
Soubeste dedilhar a arte a que te dedicas e te deixas seduzir. É mais forte que tu (eu sei).
Também sei que não sabes parar... e se continuar as coisas que ainda sei, bom... alguém que repare em tão exposta declaração vai julgar-me(nos) muito muito mal.

Shttt... eu sou assim mesmo - uma fantasminha irreverente e...


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 19:48
Eu ou a musica?:))))

Love não é nada essa coisa, é miles de bom mesmo qd nos faz sofrer. Odiaria nunca ter sofrido por amor:)))
Não contesto essa observação do dedilhar, da arte e da sedução desde que não confundas tudo isso com outras coisas tais como leviandade!
Quanto a julgamentos alheios...oh, grave é ser apanhado:))))))

Shiuuuu...eu sou mesmo assim - um espírito de contradição que só termina frases alheias quando lhe apetece:)


De Insolente a 6 de Setembro de 2007 às 09:47
Venho publicitar o regresso do Insolente à blogosfera através do seu O Prazer da Insolência agora alojado no blogger. Conto com o teu regresso ao espaço que visitavas. Ora entao um grande bem haja


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 19:50
Irei sim...até porque publicidade ao meu nesta altura do ano tambem vem mesmo a calhar!
No intervalo desta propaganda pode ser que dê tempo para ler qualquer coisita!
Perdoa a insolência...ou a ironia...ou a falta de educação...:))


De Diva a 6 de Setembro de 2007 às 15:42
Mais uma cena que desperta vontades e fantasias, sem esquecer o toque de originalidade e boa disposição;)
Beijokas 1000


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 19:51
Estou a exagerar da lascívia né?:))))Vou entrar na linha, tá prometido:)

Kiss


De mochofalante a 6 de Setembro de 2007 às 19:54
Fico deliciado com a forma como brincas com as palavras, os textos parecem sempre estar coberturas por uma aurea de extremo bom gosto

beijocas


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 19:58
Sou uma mulher elegante e com muita classe:))), nem carregadinha de obscenidade na mente consigo perder a ...pose:))

Beijo, o teu comentario foi como sempre de extremo bom gosto!


De B a 8 de Setembro de 2007 às 12:07
Amores desses não são para durar, apenas para lembrar. Tamanha intensidade leva sempre ao desgaste rápido de pelo menos um dos intervenientes. Têm é o condão de elevar a fasquia (e muito) para os/as próximos/as.

PS: continuas a escrever assim e eu vou deixar de comentar lol Já te disse que andas com muito sentimento aí mas pelos vistos é natural em ti.
Bem, beijos e bom fds.


De alexiaa a 11 de Setembro de 2007 às 11:19
Ohhhh, não sejas tão descrente...apesar de achar que faz imenso sentido o que dizes. A intensidade levada ao extremo leva sem duvida ao desgaste de pelo menos um dos lados. Bem...não sei qual o meu lado mas sou de fasquias elevadas:)))

PS: Sou uma "sentimalóide"
Bem, bjs, bjs, bjs:))


De Nani (Araj) a 9 de Setembro de 2007 às 19:48
Lindo!!! Consegue-se viajar, viver o momento como se fosse real....


De alexiaa a 11 de Setembro de 2007 às 11:15
Hum...estava tentada a responder: Foi real! Mas depois se não foi ia sentir-me intrujona:))



De Alexandra a 11 de Setembro de 2007 às 00:45
Chegou a minha vez de dizer-te que embora tenha lido e gostado do(s) teu(s) discurso(s), não encontro palavras minhas que possam ilustrar o que sinto...

Beijocas e resto de boa semana. :)

Alexandra


De alexiaa a 11 de Setembro de 2007 às 11:14
Eu não estava admirada:))), sei bem o que é perder o pio durante uma...fase:)

Bj


Comentar sem frete

O minimo sobre mim


ver perfil

. 11 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter