Sexta-feira, 31 de Agosto de 2007

As falas são sempre dele!

- Faz-me um strip!
Sorrio. Viro-lhe costas e caminho decidida mas apreensiva! Que musica escolher, que saia vestir tendo em conta que já perdi metade da roupa, como fingir a sensualidade típica dum strip?!
(Aproveito o teu tempo característico para correr aos “bastidores”)
O nervoso miudinho acaba por funcionar a meu favor, quanto mais depressa começar mais cedo entro na personagem…
A música dispara, a luz ténue afoita-me, o teu sorriso agita-me!
- Dança para mim!
Movo-me desastradamente, penso em desistir, deito-me em cima de ti numa tentativa descarada de te subornar.
Impões-te com um olhar incorruptível.
Levanto-me dengosa e caminho para trás lentamente…fecho os olhos e movimento os ombros!
O refrão transborda sensualidade, eu solto o corpo e a mente numa necessidade magnética de o acompanhar.
Devagarinho esfrego as mãos pelas coxas e descaio-as enrolando a saia nos dedos…
Enfeitiçada pelo teu desejo percorro-me toda, incitada pela tua boca lambo a minha!
Acometida duma excitação repentina e imparável dispo-me.
Puxas-me…Esfrego-me em ti!
- Agora danço eu!
Condicionas-me os movimentos…enrolas-te em mim, enrolas-me em ti!
Tocas-me o peito que sem pudor anseia pelas tuas mãos, mexes-me, não te mexo!
E torces-te num oscilar perfeito…e torço-me numa aflição ofegante!
- Agora dançamos os dois!
Balançamos colados…transpirados e ansiosos, descontrolados e quentes!
Pões-me em pé, encostas-me à parede, levantas-me as pernas!
Sussurras-me palavras intraduzíveis de tão intimas…
Compreendo o prazer recíproco quando sinto o teu arfar acelerado!
E danço, danças…dançamos!

Inventado por alexiaa às 11:03
link do post | comentar | favorito
28 comentários:
De Su a 31 de Agosto de 2007 às 12:04
Ok, vou ali tomar um duche frio e já venho...




De alexiaa a 31 de Agosto de 2007 às 22:10
Não resulta baby:))), quando depois dos 30 se aquece é como o aquecimento global da terra...não ha glaciar que se aguente:)))

Olha...não leves à letra estas minhas tentativas de falar sobre estes assuntos climatericos:)))

Kiss refrescante!


De Su a 1 de Setembro de 2007 às 14:45
ah queriiiddaaa... se há coisa que aprendi com os trinta, é n levar muita coisa á letra! Esse é o segredo! A dificuldade, a dificuldade é controlar o fogo... já sabes, tenho alguma dificuldade no auto-control... sou, serei uma eterna descontrolada! ups! falei de mais... são os efeitos das alterações climaticas... alias, de repente lembrei-me q ninguem ainda estudou a influencia q as alterações climaticas, nomeadamente o aumento do calor e chuva, terão sobre as relações, sobre o sexo, será q a coisa melhora? mmmm
ah! adorei este bocadito!
Bj á descarada, aos saltos e sem letras!

ah! e vai-te a ele, ao fim de semana, claro!

:))))


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:38
Olha...tanto tralalalalala por aqui e la no oxigenio nada...que tal algo sobre essa coisa das idades:)))??!!!

Kiss


De Su a 3 de Setembro de 2007 às 18:08
:(


De diva a 31 de Agosto de 2007 às 14:53
Mergulhei no da tua danca...no erotismo cumplice desse strip... Criaste-me vontades que agoram transgridem as palavras que quero escrever... Terei de te ler em muitas outras eternidades para parar a vontade que me deste de dancar... ou pecar.
Bjs meus


De alexiaa a 31 de Agosto de 2007 às 22:35
Até me fazes sentir uma criatura poderosa, sabes que isto é muita leitura de cordel:)))

Por mim...podes dançar:)

Bj de mim


De Aesis a 31 de Agosto de 2007 às 21:04
Bom, bom... esta publicação proporcionou-me a nostalgia de um tema musical dos "tugas" UHF (mas dançaaaaa... dançaaaaa... dança pra mim). Enfim...

A sedução é e será infinitamente uma arte. O sangue pretende-se circulante e rubro - Tesão para que te quero?
Eficaz descrição esta... possibilitando...


De alexiaa a 1 de Setembro de 2007 às 18:24
inumeras reticências)

Tenho este vicio de terminar frases...

A arte de seduzir é na minha opinião muitas vezes menosprezada...ha tantos factos historicos em que ela foi decisiva né??:)



De Ricky a 31 de Agosto de 2007 às 22:05
As palavras foram-se por um par de razões: este texto está fantasticamente descritivo e talvez porque o sangue afluiu a outros sítios. lol

O momento mais erótico é aquele momentinho que vem mesmo antes de nos entregarmos por completo... Aquele pequeno arfar cúmplice, aquele olhar que denuncia o desejo, aquele arrastar de unhas pelas costas!

Beijinho, querida =) **


De alexiaa a 1 de Setembro de 2007 às 18:26
Chiça que o quindim esta vigoroso:)))

Bem...lembro-mo de uma serie de manobras que fazem o sangue circular mas isto não é conversa apropriada para uma lady como eu:))

Beijoca


De Ricky a 1 de Setembro de 2007 às 20:18
Tenho os meus momentos =)

Sim, e que lady! lol

=)) **


De B a 1 de Setembro de 2007 às 13:05
Eu aqui digo: porque é que a maior parte das vezes são os homens que dizem o que querem? Raramente as mulheres dão voz às vontades delas (a não ser as vontades de compras ou de chatear lol) =)


De alexiaa a 1 de Setembro de 2007 às 18:30
As falas são sempre dele porque “ela” perdeu o pio…tão embrenhada estava em demonstrar o que queria com gestos!
Não sei bem do que falas, ou melhor…sei mas não me encaixo nessa realidade:))) que cada vez sinto como menos real!
Somos umas chatas nas compras:))), raramente nos lembramos de tornar aquilo um momento divertido para ambos:)

Ti-chau:)


De Aesis a 2 de Setembro de 2007 às 02:19
Este tema do Bryan é... inspirador e elegantemente sedutor.

Já quanto ao frenesim das reticências... bom... entender-se-ão certamente aqueles que delas abusam.

Té...


De Cadinho RoCo a 2 de Setembro de 2007 às 09:17
Que delícia o despir do prazer a transpirar de gozo o dançar dos corpos.
Cadinho RoCo


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:39
Sabe como é?:)))


De KI a 2 de Setembro de 2007 às 15:05
Se dançam os dois algo vos une ( ainda q seja ficcção deixa-me falar assim...) se a dança fosse um monólogo terias que faalr mais alto, mas embora as palavras tenham a sua força incorruptível, a expressão corporal pode dizer muito mais. A verdade é que reagimos ao toque e com o nosso reflexo desse emsmo toque transmitimos ao outro desagrado, medo, agrado, afecto, desejo etc.

Bons (s) trips :)


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:41
Eu deixo-te falar como te apetecer:))), a ficção mistura-se com a realidade, as vezes é so uma questão te tempo já passado ou aquele que ha-de vir:)

Gostei do trocadilho final:))


De pedro alex a 3 de Setembro de 2007 às 11:32
Cruzes canhoto que entontei com tanta volta desta dança:)
O par esteve sincronizado com a música, esteticamente perfeito com uma coreografia arrojada, inovadora pela colocação dos corpos nos tempo certos.
Denotam uma cumplicidade e sensualidade só possível com muita dedicação, esforço e treino.
... 9 points ...

b j s





De Tacitus a 3 de Setembro de 2007 às 13:14
Vim aqui oxigenar a mente. Tal como a dança estas tuas "Estórias" fazem balançar a mente entre o possível e o tangível.
A dança dos corpos é sempre uma arte, onde o fogo se consome sem águas que o acalmem.
Fica-te bem este rosa. Dancemos...
Boa semana e aquele abraço.


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:45
São todas tangiveis e possiveis, não é só a mente que o diz, sou eu que to afianço:))

A mim qualquer corzita me fica bem!

Oxigena-te sempre que queiras, com ou sem...dança!

Bjo


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:43
Tambem me sinto tonta com este comentario tão...esteticamente perfeito...

Bjo


De alexiaa a 3 de Setembro de 2007 às 17:46
Como é lógico o comentário da tonteira é para o PA


De oteudoceolhar a 3 de Setembro de 2007 às 23:19
Bemmm após a minha longa ausência chego aqui e deparo-me com uma dança de corpos fernéticos, humm que bem. Que tal as férias? Já foram? Eu já fui uma semaninha e adivinha tu, vou outra semaninha para onde?? ;) Passo rapidinho a tentar retomar o rumo, o meu estado de graça roubou-me a vontade e paciência de blogar, mas perguiça á parte há que devolver o carinho e simpatia das palavras, por isso hoje tento não estar perguiçosa. Deixo um beijo n´oteudoceolhar ***


De alexiaa a 6 de Setembro de 2007 às 19:53
Olá:)), claro que adivinho onde estiveste!
Pretendo ir até lá para o mês que vem...depois relato:

Boa continuação desse estado de graça:)))

Beijo


Comentar sem frete

O minimo sobre mim

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

(Re)Invenções antigas

Setembro 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter