Sábado, 18 de Agosto de 2007

Titulo citado: Regurgitando palavras!

As vezes fico atordoada com os problemas dos outros.
Vidas enredadas em dificuldades duma simplicidade incoerente, dramas exacerbados por mentes complexas, complicações provocadas por falta de descontracção.
Olho à minha volta e incomoda-me a ruga na testa que me surge sempre que observo alguém ser arredia perante um gesto de espontaneidade, sempre que vejo os outros constantemente de pé atrás com a vida, sempre que pressinto pessoas desconfiadas com o dia seguinte sem motivo para tal!
Sei que há obstáculos duros, azares incontornáveis e contratempos inesperados mas sei também que há pessoas pouco gratas e rezingonas, alminhas que nos sugam a vivacidade e da quais deveríamos ter o bom senso de eliminar do nosso dia a dia!
Existe uma estirpe de deprimentes que teima em orbitar ao meu redor alimentando-se dum desaire ocasional, regozijando-se com um período menos favorável, insistindo em ensombrar a minha decisão assumida de ser uma não te rales hoje, de protelar a preocupação para…quando já não existir outra solução!
Hoje estou abespinhada com a complexidade de criaturas que não respeitam a minha total indiferença pelo lado sério da vida porque hoje, neste exacto momento não quero nem saber de gravidades, não estou nem aí para ralações, não me interessa nem um pouco juízos de valor sobre a minha aparente ou não futilidade!
 
 Ok, estou numa fase simplista, os meus reais problemas prendem-se com o melhor horário para arranjar as mãos, a minha dificuldade maior é conjugar solário com a caipirinha ao fim da tarde, a minha grande duvida é entre a rádio romântica e a orbital (fase kitsch).
Sim, estou numa altura difícil do mês onde por muito que tente não penso e onde a minha grande convicção é que a maquina que tira imperiais é bem mais útil que o famoso robô de cozinha que anda na boca do povo, que o vodka caramelo é a grande invenção do século, que o cor de rosa calhou e que vou tratar este atordoamento com um liffting revolucionário!
 
música: Para o homem do leme:)

Inventado por alexiaa às 18:31
link do post | comentar | favorito
37 comentários:
De Su a 18 de Agosto de 2007 às 20:01
Caneca! A que velocidade escreves-te hoje mulher! À como fizestes lembrar alguém…  Isso soprou tão de repente que quase te ouço gritar... enfim,....Mas, admito, que te entendi cada letra, apesar de ter estacionado na parte mais importante(!), a rádio Orbital, foi a minha melhor descoberta estas férias, de tal modo que dei meia volta vim pró sul e ainda apanho a rádio na net... gostei, gostei de te saber de opostos, e q se lixem as meninas armadas em em qualquer coisa q ainda n defini o nome, mas hade vir!

Beijo redondo, despido de arestas.


De alexiaa a 20 de Agosto de 2007 às 16:46
É bom quando me entendes, apesar de também sentir muito prazer quando "reclamas" do contrário. No fundo é simples, gosta-se e pronto...entendimentos à parte não vale a pena complicarmos o que sentimos pelos outros:)
Sim, que se lixem elas:))))

Beijo quadrado e com gola alta, eu cá sou muito recatada:))))


De Su a 21 de Agosto de 2007 às 06:52
:)
N sou de me dar a vicios, mas tenho q admitir que já és mais q um ritual...
Imagino-te de gola alta no meio de Agosto!
Ah! Adorei! Alias, como sempre... :)
Beijo, a centenas de estrelas de distancia...
Mas, sempre perto.
:)


De mac a 19 de Agosto de 2007 às 10:59
E porquê que a vida tem de ser séria? Quem disse que para viver a vida, temos de a encarar com o peso do mundo às costas? Podemos viver a vida, com todas as responsabilidades que acarreta, de uma forma leve e espontânea...


De alexiaa a 20 de Agosto de 2007 às 16:52
Ha alturas proprias para tudo, a tal teoria de que no meio é que esta a virtude...
Sou pessima a gerir com sensatez certas situações...isso é que me dá graça..dizem...:)


De B a 19 de Agosto de 2007 às 13:31
Sempre cheia de sentimentos tu. Nos últimos anos tenho sido assim, não me preocupar com o amanhã porque na verdade não tenho mesmo nada com que me preocupar lol Se bem que agora estou a notar um grande problema que resultou disso... ainda não acabei a merda do curso. Este ano, vou ter mesmo de me preocupar (CA GANDA MERDA!)
Beijos


De alexiaa a 20 de Agosto de 2007 às 16:54
Ah pois é:))), as vezes esticamos as preocupaçoes mas chega uma altura que ha que encarar a coisa de caras:))( é mesmo uma merda).

Beijo despreocupado enquanto podes recebe-lo assim:))


De Ricky a 19 de Agosto de 2007 às 14:57
Tens imensa razão e como me identifico com o que escreveste! Tenho tantos exemplos desses seres pequeninos, que adoram estar mal, adoram estar deprimidos, amam chamar a atenção dos outros pobres coitados que até vivem bem e estão de bem com a vida!

Repudio pessoas assim, as deprimentes crónicas! Quando me cruzo com uma pela vida sou sempre aquele que tem a coragem de dizer umas belas verdades ali, mesmo na cara!

Voltei de férias finalmente =D

PS: vi os Xutos no festival de Olhão =P coincidências ** beijocas querida =) *


De alexiaa a 20 de Agosto de 2007 às 16:56
Ai...eu apetecia-me muito ir para um concerto dos xutos, ha coisas que só se fazem nos concertos deles:))

Beijinho..quindim:)))))


De Alexandra a 19 de Agosto de 2007 às 15:09
Ora que grandes mudanças que por aqui andam!!! Xim Xenhora!!! :))))) Adoro escrever sobre um fundo vermelho! :)))

Então mas diz-me lá. Estás numa de deixa andar?? E qual é o problema????? Cá para mim, NENHUM!!!! Aliás, mentira. Até tenho um, aqui q ninguém nos ouve nem lê :))) adorava conseguir fazer o mesmo. Mas o raio desta cabeça teima em pensar... pensar...pensar... por isso tenho verdadeira admiração por quem tem a possibilidade de deixar andar... ainda por cima ainda nem consegui interiorizar que "a pensar morreu o burro", neste caso a mula :)))))))))

Os depressivos???? É pá, alguns são chatos, precisamente aqueles q gostam e usam as nossas mentes quando, o q precisamos, é que nos batam com um pau (fininho e leve) na cabeça para ver se acordamos de tal estado letárgico. :))) A esses e nessas alturas convem olhar de lado e, se possível, virar as costas. Isto é q é ser mázinha :)))))

Por isso, tira o homem do leme e coloca-te a ti mesma a comandar a embarcação ;) o resto.... que se lixe! E com esta me vou... ;))

Bjocasssss

ps: Adorei "Os que hei-de personalizar..." :)))))))))



De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:35
Olha, tentei personalizar os que hei-de personalizar mas a barra aumenta e desce...ou seja, lixa-me a estética toda desta coisa e Deus me livre de estéticas defeituosas:))). No entanto alguma solução há-de surgir, lá para o Inverno A Exigente há-de figurar noutra barra qualquer que vou certamente inventar:)!

Quanto ao resto...é assim...de maneiras que é isso...:))), só não tiro o homem do leme, prefiro viajar sem grandes preocupações, um homem a conduzir ( ou a pensar que o faz) é sempre relaxante:))

Beijo.

Ah...chutei uma bolita:))))



De pedro alex a 19 de Agosto de 2007 às 21:09
Xutos,
Imagino uma princesa a dançar Xutos. Este ano já os dancei ao vivo. Como eles, estoirei naquele momento para sempre. Estoiro sempre que posso, os problemas dos outros vão para a fogueira e abraço quem estiver ao lado.
Ya Xutos...
Gostava de abraçar a tua fase simplista, no entanto, por opção, apetece-me rebuscar. Ando tão rebuscado que terminei um longo casamento com a Super Bock para me deixar amantizar pela Sagres.
Gosto da tua maneira, Princesa, da tua forma, feitio e formato, a qualquer dia, a qualquer hora.
Xutos...
Xuta a estirpe indesejada, se bem que duvide da capacidade dos Xutos para esse efeito e afirme como "vero" o antibiótico "par de estalos".
Xutos...
És danadinha Princesa, como queres que te comente conveniente a ouvir Xutos...
BV i.e. não confundir bombeiros voluntários com beijos vermelhíssimos.


De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:39
Não sei que pense desse teu divórcio, logo agora que a Bock lançou a rapidinha tu estoiras e transferes-te para o lado do inimigo, isso é o que chamo de preconceito com a ausência de preliminares exaustivos:)))).
Xutarei príncipe, até que a alma me doa mas xutarei...


BI…o que combatem os bombeiros baby????


De xana a 19 de Agosto de 2007 às 23:37
Houve quem achasse que tu eras eu e agora eu própria começo a ter dúvidas ;)


De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:40
Ou seja...tb curtes caipirinhas???!!!:)))


De diva a 21 de Agosto de 2007 às 12:49
Mto bem mulher! Depois de saber quais os teus "reais" problemas fiquei com inveja. Deves tar com uma pele optima e um humor do cacete hehehe. Saio daqui aproveitando alguns la la la's mudos que me chegaram no fim da leitura. Ainda bem... pois ando sem paciencia para os agrrrrr.... e aqui vou eu la la la...
Bjs meus


De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:41
Oh...estas coisas que escrevo são temporárias...ou não:).

Beijos de mim:))


De tuafox@hotmail.com a 22 de Agosto de 2007 às 22:14
Esta noite, apeteceu me visitar o teu bog.
Continua ... único. Gosto.

See you around.


De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:42
Ok...costumas então visitar muito raramente os blogs que consideras unicos..., estou a perceber:))))

around é certamente por onde andarei:)


De cuotidiano a 23 de Agosto de 2007 às 02:22
Posso deduzir (imaginar, fantasiar) o que eu quiser sobre "a tua maneira"?

Bom, aparte tudo, confesso que é um pouco assustador e intimidante esta de comentar em ecran vermelho... que raio de ideia! Parece a decoração de uma casa de.... virtuosas criaturas desviadas pelo Demo! Chiça!








De alexiaa a 23 de Agosto de 2007 às 20:47
Nunca me passaria pela cabeça condicionar fantasias alheias...ivagina para aí à vontade:)))))).
Quanto à decoração...bem, traduziste brilhantemente a minha intenção, ha por aí o boato que eu sou o demo em carne e osso a tentar desvirtuar as criaturas da blogesfera:)))). Olha...se não ha esse boato devia de haver, tenho capacidade para tal:)))))

Chiça, já me esquecia do beijo infernal:))


De cuotidiano a 24 de Agosto de 2007 às 02:35
Há outros??


De alexiaa a 24 de Agosto de 2007 às 20:12
Claro que ha...


Comentar sem frete

O minimo sobre mim


ver perfil

. 11 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter