Segunda-feira, 2 de Abril de 2007

A Rita não explica mal:)

Hoje acordei a pensar em sexo!
De inicio não liguei muito e sentei-me à espera que passasse.
No entanto…o dia é que passou e o tema não me saiu da cabeça.
Não consigo já a esta hora reproduzir para esta página o turbilhão de ideias que me agitaram o cérebro mas de tudo o que magiquei filtrei aqui um resumo que não me tinha ainda surgido (provavelmente tenho dedicado menos tempo ao tema do que deveria).
Nos meus tempos de”moiça” casadoira nunca distingui com grande relevância o sexo com alguém que se ama, ou deseja, ou quer, com o sexo dito mais casual. Para mim e debitava isto como lei à boca cheia (atenção… sem factos que corroborassem a teoria!), sexo casual era garantia de bom sexo não dando grande relevância ao facto de o dito ser com um total desconhecido! Não é que tenha deixado de acreditar na potencialidade de uma “queca” fortuita mas hoje em dia e numa fase em que não tenho o compromisso do casamento dou por mim a pensar de outra maneira. Actualmente não vejo grande diferença entre sexo casual e a utilização dum vibrador, ambos podem despoletar um orgasmo intenso, nenhum pode substituir um clímax com lágrimas de emoção, um momento pré(liminar) de intimidade, um rematar(pós) de cumplicidade!
 
 
O “post” é curto, a ideia redutora:), como em tudo o que penso para escrever a meio já não me apetece desenvolver, saturo-me com a ausência de vozes do contra, ideias diferentes para rebater, argumentos para esgrimir:). Não sei explicar-me de outra forma… Reflexões alargadas são promessas antigas:)
 
 
 

Inventado por alexiaa às 19:59
link do post | comentar | favorito
37 comentários:
De imensa a 2 de Abril de 2007 às 21:28
nem sempre é fácil encontrar a intensidade e a intenção em poucas palavras mas adoro faze-lo


beijo imenso


De alexiaa a 3 de Abril de 2007 às 15:58
Nem em poucas palavras nem em gestos:)

Beijinho


De beijo a 2 de Abril de 2007 às 21:30
criatividade...

olha quem fala!!!


beijo de beijo


De alexiaa a 3 de Abril de 2007 às 15:59
Olha quem fala é um filme, não é?!!!:))

Beijo sem imaginação:)


De Su a 4 de Abril de 2007 às 17:19
sim sim, um grande filme... já deu pra ver o Olha quem fala II... mmm... vou ali e já volto ta bem?

lol


De gostomuitissimodeti a 2 de Abril de 2007 às 21:33
:) pensavas que nao ias levar 3 comentários...

cá tou eu debruçada (deborcada) sobre o teu texto!!!

como é bom brincar com as palavras e não só ;)


gostomuitissimodeti


De alexiaa a 3 de Abril de 2007 às 15:59
Eu não penso, sou loira:))

Bjo


De Su a 4 de Abril de 2007 às 17:57
eu tb!
eu tb!

;)))))


De espumante a 2 de Abril de 2007 às 23:37
Acabei de ler o post e fiquei cheio de vontade de responder. Enquanto abria a caixa de comentários e não abria, esfumou-se o verbo, traíu-se-me o desejo e fiquei a olhar para a caixa sem saber o que é que havia de escrever. Um caso claro de disfunção, só pode. :)
Em todo o caso, quero aqui deixar uma vírgula de discordância relativamente ao vibrador. Apesar de, por força do género a que pertenço, eu não estar devidamente "equipado" para poder aquilatar as virtudes do dito. Mas... francamente. Acho que a comparação é um atestado de incompetência ao homem, enquanto macho. A não ser que o tal sexo casual aconteça com um idiota qualquer e, a ser assim, venha de lá o tal vibrador, pelo menos a utente pode manejá-lo à medida dos seus desejos e fantasias sem estar à mercê da imaginação (certamente pobre) do tal macho idiota.
E, com a conversa, acabei por ficar com vontade outra vez de te comentar. Estas coisas de sexo são assim. Às vezes, de meia dúxia de palavras nasce o tal clima apropriado. Mas como já te enchi a caixa de comentários, acho por bem ficar por aqui. Já não se poderá dizer que foi uma conversa rapidinha. :)Mesmo sem substância por aí além, sempre deu um ou dois minutos de leitura. É pouco, eu sei, mas olha, foi de boa vontade :)))
P.S. Agora já não podes dizer que não sabes a que post é que me estou a referir :)))
Beijinho :)


De alexiaa a 3 de Abril de 2007 às 16:18
Hummmm, ou subestimas o poder do vibrador ou por defeito…sobrestimas a capacidade do sexo masculino:).
A verdade é que quando te li deixei de ter argumentos para não me alargar em explicações mas (e comigo há sempre um mas) depois pensei que não seria sensato da minha parte provar-te por A mais B que:
1) Há mais idiotas por ai do que te passa pela cabeça.
2) Nunca te intimides com um vibrador, para alem do exemplo que dei pode ser um complemento excitante numa relação não casual e truque final numa ocasional:).
3) A explicação não foi atestado de incompetência ao sexo masculino, foi uma espécie de “ode” ao vibrador, pareceu-me justo:)
4) A substância do teu comentário tornou-se irrelevante perante a subtileza das palavras, prefiro vibrações positivas a essências profundas:))).
5) Gostaste dum post meu antes mesmo de eu o escrever??? Isso é o que chamo de apreciação…precoce:))))

PS: beijinho, acho uma ternura esse tom paternal neste contexto:)))


De Tacitus a 3 de Abril de 2007 às 15:08
Espero que as mulheres não cheguem todas a esse ponto de achar um vibrador tão ou mais divertido que uma queca com um homem (isto partindo do pressuposto que só gostam de homens, lol). Porque se isso acontecer, ainda vamos acabar mesmo como dadores de esperma!!!!!!!! Cala-te Tacitus!!!!
Um abraço e desde já os meus parabéns: conseguiste impreguenar-me de pensamentos libibos...


De alexiaa a 3 de Abril de 2007 às 16:28
A qual ponto?:))), neste post só há espaço para pontos de rebuçado:)))))

A comparação pode ter-vos parecido exagerada mas a frieza de algumas quecas ocasionais, e reforço que não descarto a hipótese de algumas serem de grande potencia(l), não me parece muito distinta da utilização do pequeno electrodoméstico:).
Não te cales Tacitus…a contenção de pensamentos libidinosos podem ser altamente prejudiciais:)

Um abraço, também condiz na perfeição com a voluptuosidade do tema:)))


De pedro alex a 3 de Abril de 2007 às 17:30
A vontade de “pelo conhecimento de causa” te comentar com “efeito”, leva-me a reconsiderar sobre a minha lamentável inexperiência no uso do vibrador.
Lacunas à parte, recorro à fantasia. Ajudado e sustentado pela Rita, apelo à minha característica mais artística, que a tenho, e imagino as pinceladas fortuitas que a dois, i.e. eu e a tela, poderíamos recriar com um vibrador.
Da teoria à praxis!
Googlar: porto + sexshops + vibradores. Homem prevenido vale por 2!

Ah, a Rita diz: “Sexo é do bom, amor é do bem”, eu digo: sexo fortuito é bem bom; no escritório para estrear a secretária, na cozinha para reforçar o tempero, na casa de banho para esquentar o duche, no parque de estacionamento para render o preço do parqueamento, no elevador para comprovar a sua segurança, na praia para testar o bronzeador, no campo para comprovar o repelente, e noutros sítios em que pela sensatez dispenso enunciar os motivos.

Vjs!!!!


De Su a 4 de Abril de 2007 às 20:01
gaiiijos do Norte.... e prontosesss....

:)


De alexiaa a 5 de Abril de 2007 às 17:18
Sabes Pedro (sim, porque a Su obriga-me a especificar a direcção da minha resposta:))), Os exemplos que dás não são adágios (como o iogurte) de sexo fortuito, acho que é exactamente essa variedade que uma relação repentina não permite, não há tempo nem intimidade para se colorir uma tela preenchendo todos os cantinhos:).
Quantos ás tuas lacunas…bem, quem não quer ser lobo não lhe veste a pele, ou seja…sem relação mas achei que um provérbio ia aqui bem:)))))).
Um beijo nas assoalhadas todas:)))) mas com respeito porque é bonito e eu gosto e também acho que não vai mal neste contexto.
Desculpa a idiotice, alem do cansaço duma noite agitada, tive um contratempo e estou execrável!


De Sr. Dr. Ricky a 3 de Abril de 2007 às 19:33
Acredita que nesta idade também eu acordo a pensar na mesma coisa...e vivo...e adormeço a pensar nisso...de tal forma que já chateia! As hormonas de adolescente saudável são difíceis de satisfazer!
Mas nesse assunto não posso dizer que discordo...até porque não sei se já amaei e o fiz com esse sentimento...ainda anda tudo muito confuso, próprio da idade!

Beijinhos =) ***


De alexiaa a 5 de Abril de 2007 às 17:21
Ai as hormonas de adolescente...parece-me que isso afinal não é proprio da idade e sim uma "doença" que as vezes se apanha em qualquer fase. É isso, a culpa é das hormonas, obrigada pela ideia que acabaste de me dar:).

Beijinhos


De Broken a 4 de Abril de 2007 às 14:50
Allleeeexxxxxxiiiiiiiiiiiiiaaaaaaaaaaaaa,

Simplesmente fantásticas as tuas palavras.

Sexo casual nunca tive, como sabes tive (tenho) uma paixão proíbida mas, posso dizer-te, que também eu já tive o prazer de provar tão irreverente objecto.

Pois, pois....

Vergonha de assumi-lo?! Never, em tempo algum e olha que por vezes fazem milagres.

E.........aquelas brincadeirinhas a dois em que pelo meio..........entra mais um...........o dito objecto é claro, nada de confusões...........

Adorei o post e a forma como tratas um assunto banal mas para muitos ainda tabus.......

Ah, é verdade, eles não se cuidem não que acabam mesmo a servir de dadores num banco de esperma como diz um amiguito aí mais acima.

Mulheres independentes..........

Jinho


De alexiaa a 5 de Abril de 2007 às 17:26
Broken,( e não só):)))

Eu não assumo nada no texto que escrevi, o que digo foi uma amiga que me contou:)))))) porque a minha intenção deturpada pelas vossas mentes lascivas:))) foi fazer um post poético, não era visivel?:)))))))))

Jinho nina, dou por mim a escrevinhar palavras estranhissimas no meu vocabulario como é o caso de jinhos e ninas:)))))



De Afonsinetes a 4 de Abril de 2007 às 15:17
Olha alexiaa, vinha aqui para te comentar, mas fiquei incapacitada, lamento, por enquanto nada te posso dizer, fico-me pelo desejar uma boa pascoa...beijinhos.


De Su a 4 de Abril de 2007 às 17:43
:) sem comentarios...
eheheeh


De alexiaa a 5 de Abril de 2007 às 17:27
E ficas muito bem, quem dá o que lhe apetece a mais não é obrigada. Estou em dia de proverbios:))

Boa pascoa tb para ti...


De Su a 4 de Abril de 2007 às 17:39
ah! Rita Rita, como te compreendo mulher... só tu para pores estes tugas todos em fila a falar em sexo pá! Hajam mais assim!
:) aaaiiii cruzes credo, oh Deus me acuda… é q hoje a menina acordou inspirada! E arregalou-se-me estes olhos não é… pois… sexo com um vibrador... ora ora... n é pra todos, pq exige definitivamente criatividade... mas é bom, e concordo plenamente q seja melhor q alguns pirilaus q andam por ai sem pileria nenhuma, daqueles q fazem ressaca no dia seguinte, valha-nos as novas tecnologias... cá pra mim acordar a pensar em sexo, manter as cortinas fechadas, ligar um bom filme e curtir um vibrador ultima geração, fantastico melga!... se entrasse no habitue de muitas, e muitos (já agora), a vida andava melhor andava… epá, tu subis-te na minha humilde consideração! Não é qualquer um q admite publicamente e aos berros, gostar de sexo logo pela matina!
aaauuuuuuuuuu anda cá José, traz o vibra home!
:)
bj tremeliques, de tanto rir.


De alexiaa a 5 de Abril de 2007 às 17:31
Mike...E jantar à luz das velas com o dito?!:))))))))))))))
Pronto, já não consigo dizer nada que jeito tenha, só me surgem situações românticas acompanhadas do mister "robô":)))))

Bjo sem tremeliques que a pilha está-se-me a acabar:)))


Comentar sem frete

O minimo sobre mim


ver perfil

. 11 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter