Quarta-feira, 1 de Novembro de 2006

Possivel comentar sem...divagar!

É estranho nunca teres lido para mim…instalares a cabeça confortavelmente no meu colo e sem pressa de viver, contares-me histórias de amores heróicos, sorrindo das semelhanças encontradas nas frases arrebatadoras, interrompendo o relato para um beijo vagaroso mas muito apaixonado!
Surpreendentemente nunca tive tempo para de forma preguiçosa narrar-te em tom delambido alguns textos que fazem as minhas delícias pelo tom sarcástico que possuem… pasmar-te com interpretações rebuscadas, com discernimentos inesperadamente racionais, com comoções imprevistas!
 
Por vezes penso que são lacunas como estas as responsáveis pela nossa história. Não pelo fim, não pela ausência, definitivamente não pela suspensão do amor!
São falhas dolorosas de aceitar, situações por esclarecer, inúmeros momentos por viver …espaços em branco para (graças a deus) poder completar!
São esperanças vãs, fantasias mil, desejos infindos…lugares vazios que me inspiram a sentir-te e a …sentir-te!
 
Ai esta saudade…como pode esta saudade sofrida ser a alegria da minha vida?!

Inventado por alexiaa às 00:18
link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De pedro alex a 1 de Novembro de 2006 às 11:45
Comentar sem divagar é comentar dipressa não é?
TB (tá bem.)
Arrepio com arrepio se paga :))
JT (já tá!)
Bjs [bonjours:)]


De aquiloqueeuescrevo a 1 de Novembro de 2006 às 22:36
«Ai esta saudade…como pode esta saudade sofrida ser a alegria da minha vida?!» O dilema - o eterno dilema. Porque, se bem te percebo, por mais saudades que sintas, continuas a agarrar-te teimosamente ao objecto dessa saudade... Como se fosses feliz por teres saudades!
(É confuso, eu sei, mas acredito que compreendes perfeitamente o que pretendo dizer com tudo isto...)
Beijinhos***


De Lu.a a 2 de Novembro de 2006 às 00:49
Um texto absolutamente fantástico, com o qual me identifiquei muito...e mais não digo, sob pena de escrever um post inteiro em vez de um simples comentário!
Gostei muito do blog...vou voltar...! ;)


De igara a 2 de Novembro de 2006 às 11:03
Li e re li...Não vou divagar, apenas porque te entendi!
Beijos mansinhos e abracinhos apertadinhos :)


De Tacitus a 2 de Novembro de 2006 às 12:00
Sem divagar te digo que adorei o "tom delambido" deste Post. Bom resto de semana!


De Essa Miuda a 2 de Novembro de 2006 às 15:42
Deveríamos preencher essas lacunas, no devido tempo, em todas as nossas relações (não apenas nas amorosas)... Para que não as lamentássemos quando já não é possível (ou dificil) concretizá-las!! Também eu gostaria que tivessem lido para mim ...
Continuo a "ver-te" com as pinças agarradas ao passado (??) É karma de caranguejo?? Um beijo, já tinha saudades dos teus posts.


De Miguel a 2 de Novembro de 2006 às 21:21
O vazio é uma sensação estranha...

Beijos,
Miguel


De Araj a 3 de Novembro de 2006 às 01:39
E não é tão bom gozar a dor… aquela dor que nos fez ver o infinito…


De Su a 3 de Novembro de 2006 às 09:52
Sofre tudo de uma vez, e depois diz chega, e eleva-te no vento, deicha-te florir, compra umas galochas e vai para a chuva chapinhar... se estivesses aqui dava-te aqueles chinelos vermelhos bem simples, acho que a praia te ia fazer bem!

respira! ha sempre um sol do outro lado do mundo.

beijoooooooooooooooooooooooooooooooooooooo


De Sr. Dr. Ricky a 5 de Novembro de 2006 às 12:50
Peço desculpa pela imensa ausência, mas a enorme pasmaceira que a minha vida se instalou neste momento fez com que me fosse desinteressando por tudo...não por "erro" teu...por amor de Deus, quem se desinteressaria pela tua escrita...mas por "estupidez" minha!

Voltei, mas agora escrevo apenas em http://luminescente.blogspot.com juntamente com um amigo de longa data.

O outro...deixo-o ali no seu canto e lá hei.de voltar um dia destes!

Olha, tem cuidado para não te deixares cair na monotonia de se viver as memórias...de se viver as saudades! Abre-te ao novo, ao inédito, ao inesperado.

Beijinhos *** =)


Comentar sem frete

O minimo sobre mim

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

(Re)Invenções antigas

Setembro 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter