Quarta-feira, 3 de Maio de 2006

A princesa Guinevere, o Malagant e Sir Lancelot

 

A que escreve não dorme porque está perturbada…pensa em ti e no quanto lhe fazes falta, pensa em ti e sofre com as memórias que lhe tiram a dor, pensa em ti e nas tardes passadas na rede, no cantar dum homem apaixonado que dedica sons de amor a uma mulher, nos fins de dia meticulosamente combinados e sempre entrelaçados na relutância do até amanha.
A que escreve chora desalmadamente porque não têm o teu abraço de conforto, a tua palavra de magia, o teu toque de aroma familiar!
A que escreve é uma princesa que vive num castelo de sonhos e de belas recordações.
 
Para a que lê as noites já se confundem com os dias, as ideias começam claras mas não têm em quem pensar, as lembranças não existem para atenuar as mágoas, as horas que passam teimam em não baloiçar, o ruído provoca-lhe tremores de frio, os minutos estão parados porque não sente que haja amanha.
A que lê chora desalmadamente porque sente o aperto violento dos teus braços, as tuas palavras que a insultam, o odor da tua loucura!
A que lê é um sapo que não acredita em contos de fadas.
 
Uma poderei ser eu…apaixonada mas sozinha, sozinha mas um dia adorada e desejada!
A outra poderei ser eu…sozinha e magoada!
Um é a paixão que ficou pendente num último beijo de despedida.
Outro é o vilão desta lenda!
Ele…não é certamente a mesma pessoa!
 

Inventado por alexiaa às 21:58
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De Insolente a 4 de Maio de 2006 às 01:15
é so para deixar claro á malta e tal que oprazerdainsolencia tá vivo se bem que com alguma comixão no mindinho do pé esquerdo... mas pronto tá vivo... sem mais assunto, ora entao um grande bem haja


De obvio a 4 de Maio de 2006 às 02:37
É obvio que o tempo é o sentido da vida...aqui fala-se do sentido de uma palavra...do sentido de um rio...do sentido de um odor. Será que ao descobrir o sentido desta terrível realidade, ela tornar-se-á a verdade?
Talvez...se for verdadeiramente a verdade, trará dentro dela um remédio para aqueles a quem diga respeito.
Desesperar...seria uma derradeira desistência ou um acto de negação de um percurso sem faltas...o vilão é aquele que promete ser verdadeiro e mente o melhor possivel...enfim, deturpações de uma lenda!


De kiss a 5 de Maio de 2006 às 03:25
O comentário não é ao post, é ao blog. Comecei em Novembro e dei por mim em Maio. É pena estarmos no inicio do mês, senão mais lia.
BFS:)


De Magia a 5 de Maio de 2006 às 11:24
Hoje li-te e confesso que as tuas palavras me tocaram inexplicavelmente...senti-as como algo que já vivi...mas ao mesmo tempo a sensação é boa...
Será a magia das tuas palavras??????
Não sei...também não vale a pena saber!!!!
Deixo-te um beijo de ...
Magia

http://blog.comunidades.net/amagiadaspalavras/index.php


De a 6 de Maio de 2006 às 15:30
Chorar desalmadamente?...
Confesso que me perdi na troca de papeis, mas não há vilão nenhum que valha as lágrimas que caem copiosamente pela cara da donzela da história.
Seca essas lágrimas e sorri, quem sabe o próximo principe não está aí por perto e até te empresta um lenço! ;)

Beijocas


De Tulipa Negra a 6 de Maio de 2006 às 16:09
Guenivére e Lancelot! Se tu soubesses o que para mim está por detrás destas duas figuras e aquilo que vivi sobre esses dois nomes... Gostei do teu blog, e obrigado por me recordaders momentos felizes.


De Tulipa Negra a 6 de Maio de 2006 às 16:12
Só mais uma coisita: Este blog se fosse recente diria que era da minha Guenivére. O barrete do vilão ajustasse-me perfeitamente. Tudo isto se passou comigo também. Só que o vilão fui eu.


De MoonLight a 6 de Maio de 2006 às 21:45
Ai como anda esse coração!!!! Larga lentamente... Deixa sair em forma de lágrima, de texto, de que forma for! mas liberta essa dor! Um abraço do tamanho do mundo amiga. Bjs de Luz


De Sr. Dr. Ricky a 7 de Maio de 2006 às 12:10
Peço desde já perdão pela minha ausência deste blog! Andei muito ocupado com aquela pequena história e acabei de me ocupar outra vez. Admito que não li este artigo ainda, até porque é de manhã e eu acordei há minutos! Prometo que aqui volto para ler tudo o que não li!!
bjinhos**


De Astor a 7 de Maio de 2006 às 21:02
Andam complicadas as coisas...


Comentar sem frete

O minimo sobre mim

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

(Re)Invenções antigas

Setembro 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter