Sexta-feira, 7 de Abril de 2006

Por enquanto...

Secretamente pensei em “nós”, naqueles dias em que sozinha encostava a cabeça nos meus ombros e mesmo não estando comigo sorrias ao olhar-me…

Tempos de dor em que as ilusões murmuravam-me aos ouvidos palavras e sons serenos.

Despedir-me do tempo em que muito imaginei é agora estranho, é como se o consolo que em silêncio me deste perdesse o significado, como se a certeza que sempre tive do teu doce adorar (me) não passasse duma impressão minha, como se eu fosse a única a viver este sonho …

Estive “presa” a lembranças, “viciada” nos momentos que passamos juntos, estive sempre rodeada da certeza e da duvida, amada e abandonada, ausente e presente, desejada e rejeitada, perdido para sempre e caminhando para os meus braços!

Secretamente penso nos dias que passei sem ti mas contigo…

Tempos de toques fantasiosos…


 E o texto fica a meio…até surgir uma forma de reinventar certezas…!


 


Inventado por alexiaa às 20:44
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De Araj a 9 de Abril de 2006 às 21:56
Como é doloroso pensar/recordar um nós que deixou de o ser... como eu por vezes te compreendo


De obvio a 11 de Abril de 2006 às 02:17
A espera n pode esperar-se a si propria no termo do seu proprio passado,encantar-se c as suas lembranças, nem apoiar-se na coragem q nunca lhe faltou.
O q doi n é a memoria, é o esquecimento.
É obvio...q do fundo de ti propria a espera nunca parou de esperar...por "alguem".
Acredito no "recomeço", pq a "presa" se libertou desse vazio.



De Essa_Miuda a 11 de Abril de 2006 às 10:48
,,,,,


De Essa_Miuda a 11 de Abril de 2006 às 10:50
Eu acho que é positivo termos a capacidade de nos libertarmos do "tempo em que muito imaginamos..." para entrarmos num novo espaço em que a reinvenção nos torna o caminho menos penoso... Já dizia o poeta: "No entanto, Maria, o meu amor é sempre o mesmo... as andorinhas é que mudam..."

Beijinho grande.


De Tacitus a 11 de Abril de 2006 às 11:04
Tocante texto...a palavra consegue aqui exprimir na plenitude o teu estado de alma...reinventar certezas..dificil tarefa...um beijo com carinho...


De MoonLight a 11 de Abril de 2006 às 17:09
Hum! Deixa sair... deixa voar esse sentir! E dá uma nova oportunidade ao teu coração. Muita força. Bjs de Luz


De Lobo Solitário a 12 de Abril de 2006 às 13:41
Fica a meio. Eu, se fosse a ti, ia ter com esse melro de quem falas. Isto é, se ainda fores a tempo.


De imensa a 12 de Abril de 2006 às 21:55
estas nossas ilusões...

pascoa feliz

um beijo imenso


De gostomuitissimodeti a 12 de Abril de 2006 às 21:58
não será certamente a última história que fica a meio.
Nenhuma obra de arte é acabada!

um beijo de feliz páscoa


De Afonsinetes a 14 de Abril de 2006 às 12:52
Olá alexiaa! Obrigada pelo teu belo comentário! Eu acho que tens muita razão..eu própria não tinha visto as coisas desse estado e é por isso mesmo que deixei este post durante algum tempo para que esse fosse possível chegar a diversas conclusões! Talvez seja isso mesmo, não haver ninguém com poder que faça alguma coisa para tirar o teatro da crise! Quanto à última ideia...não sei o que dizer mas Portugal tb não é muito amante de teatro preferem em mais um jogo de futebol!
É muito bom receber comentários deste tipo, isto é de gente que já é mãe que tem maturidade suficiente para falar muito melhor do que eu e para me ensinar alguma coisa! Quanto ao teu post acho que não sou a pessoa indicada para falar dum texto tão intenso! Desculpa! Bjs e boa páscoa!


Comentar sem frete

O minimo sobre mim

Estas são as Ultimas

Aos sonhos que vão diminu...

Even...

Revivendo uma invenção!

Quase por encomenda...:))...

Tenho pena de não ter mem...

Não me ames…ambiciona-me!

(Re)Invenções antigas

Setembro 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Colocado em finais de Abril de 2006

Free Web Counter
hit Counter